sexta-feira, maio 08, 2015

PALMEIRAS VOLTANDO A SER PALMEIRAS!

     

     
     O Palmeiras começou o ano como o grande protagonista em contratações. O presidente do clube, Paulo Nobre, reformulou praticamente todo o departamento de futebol do clube. Trouxe o técnico Oswaldo de Oliveira, novos jogadores e o diretor de futebol Alexandre Mattos, ex-Cruzeiro.

     Já no estadual, o primeiro torneio do ano, o time alviverde obteve resultados com méritos inegáveis. O clube conquistou a vaga para segunda fase do Campeonato Paulista sem dificuldades. Ficou em quarto lugar entre os grandes. Na fase seguinte, eliminou o Botafogo de Ribeirão Preto, no Allianz Parque.

     Na semifinal enfrentou o seu maior rival, Corinthians, em Itaquera e decidiu a vaga nos pênaltis. O grande protagonista das penalidades foi o goleiro, Fernando Prass, onde fez duas belas defesas, relembrando assim o ex-goleiro alviverde, São Marcos.

     Após sete anos, o Palmeiras estava disputando novamente uma final de Campeonato Paulista. O adversário da vez foi o Santos, e alviverde ganhou a primeira partida por 1x0 em casa. Poderia ter sido mais se Dudu não desperdiçasse um pênalti. No segundo jogo, o Palmeiras levou a decisão para os pênaltis, contudo faltou pontaria. Coisas do futebol.

     Se considerarmos o retrospecto do Palmeiras desde seu último título na competição, que ocorreu no ano 2008 contra a Ponte Preta, se torna evidente que o time está voltando ao lugar de onde nunca deveria ter saído: decisões de campeonatos.

     De fato o tempo de preparação da equipe foi curto, mas o Palmeiras deixou uma boa impressão aos torcedores e reconquistou o principal, a esperança. – Faltou pouco para gritar: É campeão!

     Outro ponto que merece destaque neste início de ano é o sucesso do Programa de Sócio Torcedor do Clube. A fidelização do torcedor serviu como suporte para o investimento em novas contratações, como no caso do atacante Dudu. Atualmente, o Palmeiras encontra-se em oitavo no ranque mundial de sócios torcedores e segue atrás do Borussia Dortmund da Alemanha.