sexta-feira, fevereiro 12, 2016

Muitas opções ‘atrapalham’ Marcelo Oliveira no Palmeiras


Tudo leva a crer que a era Marcelo Oliveira no Palmeiras não deve se estender por muito tempo. Não tem jeito: futebol profissional vive de resultado e eles não estão aparecendo.

Desde o ano passado, a bola é alçada para a área e seja o que Deus quiser. O Palmeiras não tem um padrão tático de jogo inteligente, aliás, se é que existe algum.

Marcelo Oliveira mostrou até agora que sabe apenas trocar seis por meia dúzia. Falta de opções estão bem longe de ser uma justificativa para o péssimo momento do treinador no comando do Palmeiras.

Os próximos resultados podem decidir a permanência ou decretar a saída de Marcelo Oliveira no clube. Sábado (13/2), o Verdão encara às 17h o Linense no Allianz Parque e na terça-feira (16/2), o alviverde estreia fora de casa às 21h45 na Copa Libertadores da América contra o Uruguaio River Plate.

Por outro lado, a diretoria da Sociedade Esportiva Palmeiras fez o seu trabalho, manteve a base campeã da Copa do Brasil e trouxe novos jogadores para compor o elenco, alguns até desnecessários, mas concedeu peças suficientes para Marcelo Oliveira desempenhar um ótimo trabalho no clube, mas até agora nada.