sábado, agosto 15, 2015

Anderson Silva e seu bando conseguiram complicar o que já era complicado


      O Spider é o tipo de cara que é habilidoso e carismático. Tem um estilo brincalhão de ser e dispõe de uma voz que é no mínimo engraçada. Mas, engana-se quem pensa que ele já deixou de ganhar um ''jabá'' por isso. Uma empresa de fast food pagou uma bela quantia para Anderson Silva participar de um comercial televisivo. Porém, tudo leva a crer que faltou competência para sua equipe no julgamento, onde tentou explicar o uso de substâncias proibidas que foram identificadas no doping em luta contra o Nick Diaz.

     Devido à sua trajetória no UFC é evidente que gostam do cara. Estavam todos no julgamento para saber o que de fato aconteceu e o Spider me solta que foi por causa de um Viagra da Tailândia trazido por seu amigo, o que é no mínimo escroto. Me fez até lembrar do programa ‘’Altas Horas’’ da TV Globo, onde jovens fazem perguntas para a sexóloga, Laura Miller, como: ‘’Meu amigo falou...’’. É normal que um atleta fique com receio de voltar após uma grave lesão, mas será que se ele falasse a verdade não poderia deixar sua imagem um pouco melhor? Além de ficar conhecido mundialmente como antidesportista, conseguiu também o título de broxa.