segunda-feira, março 21, 2016

Falta vergonha na cara para os jogadores do Palmeiras


O recém-chegado do Palmeiras, Cuca, não pode e nem deve ser cobrado após duas derrotas consecutivas, mas os jogadores do Palmeiras podem e devem ser cobrados pela diretoria de futebol da Sociedade Esportiva Palmeiras, torcedores e imprensa. Não é de hoje que falta neste grupo vergonha na cara e profissionalismo.

Se o Palmeiras não ganha do Audax vai ganhar de quem? Não falo isso para menosprezar o clube de Osasco, mas para reafirmar que se o Palmeiras continuar jogando sem vergonha na cara será facilmente eliminado na próxima rodada da fase de grupos da Copa Bridgestone Libertadores atuando fora de casa contra o Rosário Central, na Argentina.

Os jogadores do Palmeiras pegam a bola e não sabem literalmente o que fazer. A bola queima em seus pés e fica sendo tocada apenas na intermediária. De um lado para o outro, não pode. Saber se posicionar é outro ponto que vem sendo esquecido pelos jogadores.

Hoje, a realidade do Palmeiras não decepciona apenas no torneio continental, mas também no Paulistão. O Palmeiras é líder do grupo D, entretanto, apenas dois pontos separam o alviverde da liderança ao último colocado do grupo, Novorizontino.

Os caras jogam em um das melhores arena do País, tem o apoio da torcida, mas a paciência do torcedor tem limite. Comecem a ter vergonha na cara e honrem a camisa da Sociedade Esportiva Palmeiras ou peçam literalmente para sair do clube.