sexta-feira, abril 15, 2016

Palmeiras goleia e faz sua parte? Não concordo



Uma das coisas que mais me deixou indignado foi ler boa parte das manchetes esportivas dizendo que a Sociedade Esportiva Palmeiras goleou e fez sua parte. Dá um Google aí e veja quantos veículos colocaram apenas isso como manchete.


UOL, ESPN, R7 e por aí vai. Se desde sempre o alviverde tivesse feito a sua parte não dependeria dos uruguaios para se classificar. Como não fez, não acho válido dizer que fez sua parte, uma vez que ela foi deixada de lado quando o clube enfrentou e perdeu o próprio Nacional em pleno Allianz Parque.

Apontar culpados não é uma tarefa fácil. Não acho que o presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, seja o real culpado dessa eliminação.

É aquela coisa: quando ganha todos levam méritos e quando perde não pode ser diferente. O erro não foi apenas de um ou outro, foi de todos. E não acho também que Cuca seria o comandante se a demissão de Marcelo Oliveira fosse antecipada.

Paulo Nobre fez o papel que se espera de um bom gestor. Seja de futebol ou não. Chamou a responsabilidade na eliminação precoce do time na Copa Libertadores para si, ou seja, tentou preservar os demais, mas na realidade todos nós sabemos que ele não é o único culpado.